quarta-feira, 30 de março de 2011

acho que me fui meter na boca do lobo


 mas tou com esperança de conseguir sair com dignidade.

domingo, 27 de março de 2011

this is not a fashion post

estou de ressaca, não dá nada de jeito na televisão e não me apetece preparar a defesa do estágio por isso decidi fazer um post qualquer, tipo moda e coise que nem se quer pode ser considerado moda porque eu não me considero nada féxion. sou muito prática no que diz respeito a roupas e muitas vezes entro em lojas  com intenção de comprar peças mais sofisticada e acabo sempre por trazer para casa só coisas básicas e simples. mas prontes, é assim que me sinto bem e sinceramente não me imagino  de outra forma.

sábado, 26 de março de 2011

hoje a insónia rendeu. consegui preencher todos os inquéritos dos censos sem interrupções. agora já posso tar mais à vontade para perder tempo a fazer outras coisas pouco produtivas. e bem mais interessantes.


psyco

estava a cuscar um tumblr e depararei-me com um gif terrorífico. o meu coração começou acelerar de imediato e enquanto tapava os olhos com uma mão, tive logo que fechar a janela  com a outra. parece estúpido e não sei explicar porquê, nem como mas senti-me mesmo aterrorizada. não há sangue, mutilações, exorcismos ou espectros. apenas uma imagem do norman bates a sorrir de forma muito inquietante. qual cena de chuveiro e som de violinos estridentes, qual quê. esta cena, sim, é psyco. 

sexta-feira, 25 de março de 2011

simple pleasures #5

 mmmmm

segunda-feira, 21 de março de 2011

hoje

é dia 21 de março
tem inicio a minha estação preferida
é o dia da árvore e da poesia
e faz anos uma das pessoas que mais amo

hoje é um dia muito bonito.

domingo, 20 de março de 2011

st. antónio vs. gnr

ontem deixei o meu pc no autocarro (não me julguem porque depois de uma viagem de 5horas a única coisa em que se pensa chegado ao destino é sair dali para fora, esticar as pernas e recuperar a fisionomia do rabo) e hoje de manhã quando liguei para a central para saber do dito, dizem-me que já não estava lá. ora, com a defesa para preparar e sem maneira de recuperar o trabalho feito, vi a minha vida a andar para trás, mas entre o pânico e um grande atrofio ainda consegui raciocinar. ameacei que ia falar com as autoridades porque só ficaram cinco pessoas depois de eu sair e como toda gente se conhece nestes meios pequenos não seria muito difícil saber alguma coisa. entretanto a minha mãe também foi rezar ao st. antónio porque para além de casamenteiro, pelos vistos, é também o padroeiro das causas perdidas. o que é certo é que minutos depois ligaram-me para dizer que procuraram melhor e que "o encontraram escondido de baixo de um banco". a minha mãe diz foi obra divinal, eu cá chamo-lhe cagunfo.

quarta-feira, 16 de março de 2011

era mais ou menos isto


em relação a este episódio

terça-feira, 15 de março de 2011

domingo, 13 de março de 2011

ufa!

acabei de escrever o meu relatório final de estágio e a sensação com que fiquei, foi de ter acabado de dar à luz. eu não sei, mas deve ser algo mais ou menos parecido. não pelo sofrimento, mas sim pelo orgulho de ver nascer uma obra a qual dedicámos tanto tempo e esforço. acho que a minha até está bastante perfeitinha. vamos lá ver o que os padrinhos dizem. 

só me ocorre: meu deus

adele - someone like you (live @brit awards 2011)

pela voz, pelo significado da música, pela intensidade da actuação, pela artista, por tudo. como diz o apresentador - "you can have the dances, the pirotecnics, later shows you want, but if you sound like that all you need is a piano"

sábado, 12 de março de 2011

geração desperta!

de Gui Castro Felga

estive lá, e fiquei surpreendida com a dimensão que esta manifestação atingiu. agora, esperemos que o efeito seja proporcional.    

sexta-feira, 11 de março de 2011

quarta-feira, 9 de março de 2011

não é que seja desleixada, gosto é de aproveitar a vida

no facebook é só mensagens dos colegas de curso a dizer que já acabaram o relatório e que já estão a preparar a defesa! eu ainda ando às voltas com a reflexão final, já para não falar das formatações e restantes paneleirices! só prevejo ter o relatório finalizado perto da data de entrega e não é por isso que me vai suar a testa. sei que isto é a prova de fogo e já falta pouco mas também sei que consigo conciliar tudo e obter bons resultados. sempre o consegui, desde que iniciei a minha vida académica e talvez seja por isto que estou tão tranquila. só espero que o meu orientador nunca chegue a ver este post porque supostamente ainda não entreguei o relatório porque "surgiram uns imprevistos". bem, isto não é mentira de todo; felizmente tenho uma vida própria e toda gente sabe que a vida é feita de imprevistos. tipo folia, carnaval, ressacas, jantares, convívios, sessões de cinema  e outras coisas mais. e digo mais, foi graças a estes imprevistos no meio das responsabilidades e dos prazos que tornaram estes três anos da minha vida tão intensos e gratificantes.

terça-feira, 8 de março de 2011

nem sei bem o que dizer sobre a noite passada. foi algo surreal e eu ainda estou com alguma dificuldade em distinguir o que foi real do resto. tenho a certeza que o real inclui apanharmos um comboio em direcção a ovar, sairmos duas paragens depois para mijar a maior mija da história e depois decidirmos que afinal queremos masé ficar pelo porto; inclui jogos de badminton com ursos, eu sentadinha tranquilamente a comer uma pizza e ser abordada por uma senhora que me leu a sina de forma muito certa e sinistra e depois ser multada por ser mulher  e usar bigode. a minha intenção era estar disfarçada de homem, tão simples como isso, mas afinal acabou por ser mais complexo do que pensava porque as variantes do bigode (direito, descolado, torto, e inexistente) conferiam-me várias personalidades e então fui associada ao fernado pessoa, a alguém que tinha sofrido um AVC e até ao michael jackson. mas foi muito divertido, sim senhora. agora vou ali confirmar com o pessoal se o resto foi imaginação minha ou não. me-do. 

sexta-feira, 4 de março de 2011

eu é mais bolos como diria o josé severino*

logo hoje que acordei com uma má noticia, tinha que estar um dia feio como o raio! mas nada que uns pasteis de nata não resolva. a maioria das mulheres compra roupas e acessórios quando estão deprimidas eu é mais bolos*. esta semana, já é terceira vez que tenho que recorrer a esta estratégia. se o sol não voltar e a minha sorte não mudar (juro que a rima não é de propósito), vou ter mesmo que comprar roupa...e não vai ser por estar deprimida. 

quinta-feira, 3 de março de 2011

devaneio #76564

"um dia espero estar lá ao mesmo tempo que tu".

ah! e o  eternal sunshine of the spotless mind  é um dos
meus filmes preferidos de sempre.

quarta-feira, 2 de março de 2011

james franco, sitemeter e os oscares

graças à pesquisa de imagens do james franco e a este post o meu blog está a ganhar visitas! eu compreendo-vos meninas (e meninos), oh se compreendo!

apetece-me mandar uma bomba numa certa loja de telecomunicações que eu cá sei. primeiro impingem-me uma placa de internet que não funciona e depois de vários telefonemas longos com os operadores técnicos e de experimentar tudo e mais alguma coisa sem resultado, finalmente encaminham-me para uma loja. lá vou eu com um pc de 3kg e tal às costas de transportes públicos para o cu de judas...e em vão porque afinal tenho que ir a uma loja especifica, também esta longe como o raio, porque é lá que fazem o apoio técnico. meto-me mais uma vez no metro em hora de ponta e já meio corcunda do peso do pc, e entre empurrões, apalpões e pisadelas lá consigo trepar aquela gente toda e sair na paragem que quero. chego à loja, já a bufar e toda descabelada para me dizerem com o ar mais natural do mundo que não me podem ajudar e que tenho que ir a um técnico informático porque o problema "deve" ser do meu pc. devo ter mudado de cor umas 50 vezes e respondi num tom de voz igualmente tranquilo: cambada de burros, não sabem logo admitir que são incompetentes em vez de empurrarem as responsabilidades uns para os outros! pronto, esta parte é mentira. gostava de poder ter essa lata, mas apenas consegui fazer o ar mais azedo possível e dizer - não sei porquê que insisto em ser vosso cliente. (sim, porque não é a primeira vez que tenho problemas com esta mesma operadora). saí de lá ainda com a veia da testa a latejar e fui directa a um café comer um grande crepe com chocolate e chantilly. juro que estava a precisar!

o desassossego já estava a tardar muito

left hehind - zero 7 (feat josé gonzaléz)

Cleaning up the things she left behind
Are you on to find some peace of mind
Are you aware of the mess you left behind

Scared to think away the cheer
Looking back in a mirror
It all becomes clear
The views are not the same
I see sun, you see rain

Cleaning up the mess you left behind